O erro contra o Vasco é inadmissível

20140216-210535

Já houve erros parecidos com o de ontem no Maracanã, quando o estreante vascaíno Douglas bateu uma falta, a bola bateu no travessão e caiu cerca de 30 centímetros dentro do gol do Flamengo.

O goleiro Felipe viu, mas calou.

Os narradores do Sportv e da Band gritaram gol na hora, sem ver a repetição.

Mas o auxiliar de arbitragem Rodrigo Castanheira, ao pé da trave, não viu e o gol não foi validado.

A foto acima, de André Durão, fala por si só.

Os responsáveis pela arbitragem do campeonato carioca reconheceram o erro, lamentaram, pediram desculpas ao Vasco, mas avisaram que não punirão o responsável, ou melhor, o irresponsável.

Só que amanhã o Vasco perde outro jogo, entra em crise, o técnico se dana, o centroavante é mandado embora e tipos como Castanheira seguem infelicitando o futebol.

Se fosse na Copa do Mundo o gol seria validado porque, enfim e ao menos, a Fifa adotou o chip que acusa a passagem da bola pela linha fatal.

Mas Castanheira não tem visão, nem chip, nem óculos e, vai ver, nem castanhas.

Comentário para o Jornal da CBN desta segunda-feira, dia 17 de fevereiro de 2014, que você ouve aqui.

Crédito: Blog do Juca

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s