ZÉ DOMINGOS – Escola de Samba Colorados

RECORDAÇÕES DA ESCOLA

DE SAMBA COLORADO E

OUTRAS DE CURITIBA.

SAUDADES DE CIRINEU

MORAIS E SAMBISTAS.

CARNAVAL CURITIBANO

Zé Domingos

         Diante a aproximação do Carnaval de 2.014 resolvi lembrar de escolas de samba e personalidades que marcaram época durante os festejos de Momo na capital paranaense.

         Em dada manhã recebi telefonema de um cidadão que se identificou como Morais, morador no Bacacheri vizinho do vereador Aladim Luciano e ele me perguntou sobre o nome da escola de samba ligada ao Clube Atlético Ferroviário e respondi prontamente Escola de Samba Colorados.

 O fiz com imenso prazer, pois era fã incondicional desta escola que tinha a “bateria nota dez” comandada pelo Ismael Cordeiro – o “Maé da Cuíca”, “Cidadão Samba de Curitiba” e que infelizmente subiu no ano passado. Seu filho Binho um dos nos melhores músicos de samba seguindo as pegadas do pai sempre está a frente de promoções para aproximar ainda mais a amizade entre nossos sambistas. Dentro do possível colaborei em várias oportunidades com esta escola e guardo com orgulho um diploma de seu sócio benemérito.

         A Escola de Samba Colorados que teve grandes momentos em nosso carnaval inclusive ganhando títulos agüentou o quanto pode, mas não teve como suportar e há alguns anos está fora dos desfiles, como também desapareceram outras grandes escolas curitibanas como Não Agite, ligada ao Coritiba, Asas da Alegria, ligada ao Ícaro Atlético Clube – Bacacheri com  participação de vários elementos da Base Aérea como o sempre lembrado vereador Lauro Carvalho Chaves, Bola Preta, Foliões da Mocidade, formada por um grupo dissidente da Colorados, Unidos do Boqueirão do sempre lembrado Mestre Libanio e outras.

         Aliás, na conversa com o Morais lhe disse que no bairro em que reside existia a Asas da Alegria e ele disse “sou filho do Cirineu” e o repiquei dizendo ter conhecido e muito bem o “Mestre Cirineu”, o comandante da bateria da Asas da Alegria. Cirineu tio do amigo de infância Levi Morais e irmão de seu Hugo, o homem do SAMDU que residia na Galícia.

         Morais lembrou de José Cadilhe de Oliveira e disse ser ele primo de mamãe Alcina, ambos já se foram,.O Dr. Cadilhe foi durante anos uma das mais importantes personalidades do carnaval de Curitiba comandando a Embaixadores da Alegria, como Glauco Souza Lobo, Carlos Fernando Mazza (Mazinha), Lima, Carlos Mattar, na Não Agite, Neil de Souza, na Colorado, o Mauro na Aristocratas do Ritmo, outra que desapareceu e outros.

Lembrando que o encerramento de atividades da Asas da Alegria o seu pessoal se transferiu para uma escola chamada de Dom Pedro II justamente por ter a Sociedade D. Pedro II cedido espaço em sua sede para ensaios da escola que tinha como membros destacados Osvaldo Silva (Afunfa), Jubal, Orlando, Noli, Betinho, Charrão, Amauri, estes jogadores na época do Clube Atlético Paranaense, o outro Amauri, Zuzu e outros.

Depois a escola se transferiu para a sede do Esporte Clube Pinheiros onde ganhou novo nome Mocidade Azul e durante anos fez grande sucesso no Carnaval Curitibano, ganhando vários títulos. Mocidade Azul que continua mantendo a sua tradição. O papo com Morais rendeu momentos de recordação em torno do nosso Carnaval quando os desfiles eram realizados na Avenida Marechal Deodoro e neste 2.014 está voltando para a referida avenida..

Houve grandes desfiles e houve até numa das administrações de Jaime Lerner como prefeito de Curitiba um baile municipal com concurso de fantasias no Circulo Militar do Paraná, vindo a Curitiba ídolos dos concursos como Evandro Costa Lima, Clovis Bornay e outros. Participação especial do nosso Ney Souzah, expressão nacional e internacional em desfile de fantasias e que sempre colaborou com as nossas escolas de samba.

Bola um dos nossos reis Momo foi depois Rei Momo no Rio de Janeiro, onde faleceu ainda muito jovem. Sou dos tempos dos corsos na Rua XV de Novembro, dos confetes, serpentinas e lanças perfumes, dos bailes de concurso de fantasia com  os travestis nas segundas-feiras no Operário e depois da Bem Bolada, no Batel, da Banda Polaca e de outras atrações de nosso Carnaval. Aproveitei a dica do Morais para abordar o Carnaval, já estamos nos aproximando do mesmo. Nos próxcimos dias apresentarei outras matérias sobre o Carnaval dos bons tempos em Curitiba.

José Domingos Borges Teixeira

(Zé Domingos)

Rádio Barigui – AM – 1560 – Internet – www.radiobarigui.com – centraldetv.com.br – www.josedomingos.com.br – Rádio Barigui – de segunda a sexta feira das sete as nove horas Comando da Manhã – No mundo da Bola, telefones – (41) 3352-8686 – (41) 9972-0129 – e-mail – contato.contato.josedomingos@hotmail.com

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s