Vera Fischer “causa” em camarote antes de desfile

7gxsoukqdz_2crm4goolp_file

A atriz Vera Fischer prometeu a esta coluna “causar” no desfile da Beija-Flor no primeiro dia de apresentações das escolas do Grupo Especial do Carnaval do Rio de Janeiro. A musa já cumpriu a promessa antes mesmo da homenagem da escola de Nilópolis a José Bonifácio de Oliveira Sobrinho, Boni – o lendário ex-diretor da TV Globo. Ela chegou animadíssima ao camarote Rio Samba Carnaval, na Sapucaí, já fantasiada (a única fantasiada por lá) e falando, falando, falando!

Vera falou que não gosta muito de multidão: “Só gosto de multidão quando eu estou no palco e ela está na plateia. Aí, eu adoro multidão. Ah, eu adoro multidão: quietinha, me ouvindo, pagando e eu fazendo o melhor para eles”. Ela afirma que só foi à Sapucaí nesta noite porque se tratava de uma homenagem a Boni. “Ele é um cara que é tão importante… tão importante para mim (…). Ele merece.” Sobre a fantasia, ela disse que as pulseiras são da Índia. Os anéis? “São de ‘verda-diiiiiii’!!”

De bom humor, Vera respondia a todas as persuntas, inclusive sobre seu último personagem, a Irina em Salve Jorge. “Foi uma grande M***. Não só eu achei, como todos me falavam isso, mas acho que não causei tumulto e fiquei até o fim, porque muitos saíram. Acho que talvez um dia alguém vai escrever um papel só para mim. Aí eu volto”, disse a atriz. Sobre a especulação sobre a participação em Buu, próximo folhetim de Silvio de Abreu, disparou: “Falei com o Silvio esses dias e ele disse que eu sempre me atraso, mas eu só fazia isso quando era casada com o Felipe (Camargo). Agora eu sou pontual”.

E namorado? “Homem nem pensar. Fiz um filho para as mulheres ficarem loucas por ele. Agora eu quero um neto e não quero mais namoro. Fico muito bem sozinha, gosto muito de escrever, ver filme, ir ao teatro, essas coisas é tudo eu e eu e eu e eu. E viajar. Semana que vem vou para Nova York com uma amiga”, avisou.

Desde cedo circulando com uma tacinha de champanhe nas mãos, não deu outra: a atriz exagerou na bebida e passou mal momentos antes de entrar no Sambódromo e acabou ficando de fora da ala dos artistas e precisou ser carregada por três pessoas até uma van.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s